quinta-feira, janeiro 19, 2012

Pedra basilar

Era um dia como qualquer outro. Ou melhor, um sábado como qualquer outro. Tinham almoçado e iam todos juntos à praia. O pai foi buscar o carro à garagem - como fazia todos os dias. O mais velho entrou para o carro, a mãe ficou a fechar a porta à chave. O mais pequeno, como sempre nos últimos meses, estava na fase das corridas e perseguições. Mas, naquele dia, ao contrário dos outros todos, fez aquilo que as crianças tantas vezes fazem: distraiu-se.

Num adeus prematuro. Naquela noite, uma expressão contou-me aquela história em três segundos. Cantava para todos os que o queriam ouvir, e perceber. Compreender. Naquela noite, cantava para ele, com uma voz que chegava lá acima. Pensava naquele sábado, igual a todos os outros, que acabou de forma trágica. Mas olhou para ela - 'uma força da natureza' pensou ele tantos dias antes de adormecer - e sorriu.

Os anos passaram. Ninguém saberá tão bem como ele o que lhe passa pela cabeça quando canta com tamanha vontade. Podia derrubar ventos. Ninguém pode se quer começar a imaginar. Foram segundos. Que mudaram vidas. Canta para que lhe agradecer o amor. E aquela voz esta para além de todas as corridas e perseguições.

Hoje, se ele o pudesse ouvir, não haveria como se distrair. Ele pensa nisso todos os dias. E nela, da urgência de lhe sentir a respiração antes de adormecer.

12 comentários:

Cianaí Cato disse...

Lindo Blog. Convido-te participar do meu blog http://mulheresqueusam.blogspot.com/

Cianaí Cato disse...

Lindo Blog. Convido-te participar do meu blog http://mulheresqueusam.blogspot.com/

avoluisa disse...

Doi..o que escreve ,não sei se gosto...sei que me atrai e me levou a comentar ...doi como um sapato apertado...doi até faltar o ar,depois li e reli...porqué???
xauzinho...voltarei.

Thiago Domingues disse...

Oi!
Nesses passeios mundo virtual a fora, acabei aterissando no seu espaço...
Parabéns pela forma com que dá ao sentimento as palavras.
Apesar de me identificar mais com a poesia, também me arrisco nos contos...rs
\o/

Vanessa Santos disse...

Bonito e triste!Linguagem facil mas uma historia de reflexao.
Da uma passada no meu espaço?
http://mardeletras2010.blogspot.com/2012/03/lembro-como-se-fosse-hoje-sensacao.html

Jason2011 disse...

Monster Beats

Monster disse...

Oi!
Nesses passeios mundo virtual a fora, acabei aterissando no seu espaço.......
Monster Headphones

Ludmila Débora disse...

Tu escreves muito bem! Amei tudo aqui.

tudo sobre raparigas e muito mais disse...

gostei mt do teu blog! parabéns!!! visita o nosso também Lindo Blog. Convido-te participar do meu blog

tudo sobre raparigas e muito mais disse...

gostei mt do teu blog! parabéns!!! visita o nosso também Lindo Blog. Convido-te participar do meu blog

Sarita disse...

Voltei a arrepiar-me... :')

colehaan disse...

This weekend I was home alone, but Abercrombie and Fitch Clothing was kind of nice.Louis Vuitton On Sale I indulged in everything a girl loves indulging in D&G glasses; I was at one with my thoughts and drifted through the weekend like a light cloud.I made breakfast, played dress up, danced around a little in my own company and got dip dying happy with some lace. When the weekend came to a close I felt content Vibram Fivefingers Running Shoesas I had nothing to think about other than me all weekend and that is sometimes a lovely experience to have.